O curso de Engenharia Mecânica é difícil? Saiba mais sobre o assunto

4 minutos para ler

Muitas pessoas que têm facilidade com matérias de exatas na escola pensam em estudar Engenharia na faculdade, pois a carreira oferece boas oportunidades para os seus profissionais, além de uma remuneração muito atrativa.

Porém, uma das dúvidas mais frequentes dos interessados é se o curso de Engenharia Mecânica é difícil, uma vez que não conhecem a grade curricular além das matérias de cálculo.

Pensando nisso, neste post, vamos explicar como é o curso e o mercado de trabalho para esse profissional. Além disso, mostraremos qual é a importância de escolher uma boa instituição de ensino. Continue a leitura e acompanhe!

O curso de Engenharia Mecânica é difícil?

Assim como ocorre em outras vertentes da Engenharia, esse curso exige do estudante um comprometimento para com o aprendizado. Afinal, a graduação é oferecida na forma de bacharelado e tem duração média de 5 anos, além de um estágio obrigatório de, no mínimo, 160 horas. Por meio de uma boa rotina de estudos é possível concluí-lo e obter o diploma, emergindo-se em um mercado promissor.

A Engenharia Mecânica é responsável pela formação de profissionais que trabalhem com o projeto, a fabricação e a manutenção de equipamentos, podendo atuar em diferentes indústrias, a exemplo da aeronáutica e da naval.

O curso apresenta disciplinas básicas (como Administração, Economia e Estatística), profissionalizantes e específicas (como Projeto de Máquina e Dinâmica de Sistemas). A seguir, veja algumas outras matérias estudadas nessa graduação:

[eBook] O guia completo do futuro estudante de engenharia
  • Cálculo Diferencial;
  • Desenho Técnico;
  • Elementos de Máquinas;
  • Física;
  • Materiais Metálicos;
  • Mecânica dos Sólidos;
  • Termodinâmica.

Como é o mercado de trabalho para esse profissional?

O engenheiro mecânico é o profissional encarregado de projetar e testar sistemas mecânicos. Além disso, ele cuida da manutenção de produtos, da elaboração de documentos e da coordenação de atividades técnicas.

Sua ampla formação permite atuar em diversos setores, da indústria aos serviços. Por isso, para se destacar, esse engenheiro deve ter o perfil de um profissional que saiba trabalhar em equipe, tenha uma boa orientação espacial e raciocínio lógico, seja atencioso e consiga administrar conflitos.

De acordo com o site vagas.com, o salário médio de um engenheiro mecânico é de R$ 7.631, podendo chegar a R$ 9.282. Já um estagiário recebe, em média, R$ 1.354. É preciso ressaltar que tais valores dependem de fatores como a formação do profissional, o tempo de experiência, o local de atuação, o setor da indústria, entre outros.

Por que escolher uma boa instituição de ensino?

Agora que já vimos como é o curso de Engenharia Mecânica e o mercado de trabalho para esse profissional, você deve estar optando por cursar essa graduação, certo? Se estiver diante desse passo, é preciso tomar alguns cuidados: garantir a escolha de uma boa instituição de ensino.

Verifique as estruturas físicas e virtuais oferecidas aos alunos, saiba a opinião de ex-estudantes sobre a qualidade do ensino, pesquise a formação dos docentes e garanta que o curso seja reconhecido pelo MEC. Dessa forma, é possível fazer um bom investimento para uma carreira bem-sucedida.

Enfim, é preciso conhecer as particularidades do curso para definir se Engenharia Mecânica é difícil ou não. Portanto, agora que você já sabe mais sobre a graduação e o mercado de trabalho, não perca tempo e embarque nessa jornada em direção ao seu futuro profissional!

Se gostou deste post, entre em contato conosco, conheça nosso curso de Engenharia Mecânica e veja como podemos ajudar a alcançar seu objetivo!

Posts relacionados

Deixe um comentário