Quais as 6 principais áreas de atuação da tecnologia da informação?

6 minutos para ler

Você está concluindo o Ensino Médio? Então, provavelmente, já deve estar pensando nas provas do Enem e do vestibular, mesmo que ainda não saiba, ao certo, que faculdade cursar e que carreira seguir. São muitas as possibilidades e, entre tantas opções, você já deve ter ouvido falar nas áreas de atuação da Tecnologia da Informação.

Mas quais são as funções exercidas pelos profissionais dessas áreas e como funciona cada campo de atuação?

Talvez o curso de Sistemas de Informação, por exemplo, seja do seu interesse, levando em consideração as suas habilidades e a sua rotina. Por isso, continue a leitura do nosso post e saiba mais a respeito do assunto!

O que é Tecnologia da Informação?

De modo geral, a Tecnologia da Informação (TI) é uma área da Informática que envolve elementos como hardware, software, redes e bancos de dados. Eles são utilizados para ajudar o ser humano a trabalhar com informações (produção, armazenamento, acesso e segurança) que podem ser arquivadas em formato digital.

Quais são as principais áreas de atuação da Tecnologia da Informação?

Por ser um setor em constante evolução e com uma grande necessidade de especialistas, são várias as áreas em que um profissional do ramo pode atuar. Confira algumas delas:

1. Programação

A programação é um campo de atuação voltado para o desenvolvimento de softwares que são utilizados por empresas, pessoas, portais eletrônicos e sites, e também para a manutenção desses produtos. Nessa área, o profissional precisa dominar o maior número de linguagens de programação possível, como Javascript, Java, TypeScript, Python, PHP, Ruby, entre outras.

Essa é uma das áreas mais conhecidas da Tecnologia da Informação, e é muito importante, em especial, no que diz respeito às empresas. Paralelamente, o setor de desenvolvimento de games também tem se revelado um caminho promissor para o profissional dessa área. No nosso país, a média salarial de um programador fica em torno de R$ 2.400,00.

2. Segurança

Essa é uma das áreas de atuação da Tecnologia da Informação bastante favorável para o profissional, tanto no que diz respeito às oportunidades de emprego, quanto ao que se refere à remuneração.

O foco é manter a rede (sistemas operacionais, programas e equipamentos) protegida, evitando que seja atacada por criminosos. Também é feito o monitoramento de possíveis tentativas de invasão e do uso inadequado dos serviços disponíveis, bem como a definição e a manutenção das normas de uso das ferramentas computacionais da empresa.

Para um analista de Segurança da Informação, a média salarial supera os R$ 4.000,00, podendo chegar a mais de R$ 4.700,00 para quem ocupa o cargo de consultor nessa área.

3. Suporte técnico

O profissional dessa área é fundamental para as empresas, sendo responsável pela estrutura física dos computadores e da rede local e pelos sistemas operacionais. Em outras palavras, ele resolve problemas que os clientes internos possam vir a ter, no dia a dia.

[Guia Prático] 6 Passos para acertar na escolha da profissão

Contudo, a área de suporte técnico não tem como função apenas cuidar de eventuais contratempos e imprevistos, mas também evitar que eles aconteçam, por meio de medidas preventivas. No Brasil, um técnico em Tecnologia da Informação tem uma média salarial de cerca de R$ 1.700,00. Um analista de suporte técnico, por sua vez, recebe em média quase R$ 2.000,00.

4. Desenvolvimento de e-commerce

A internet tem sido cada vez mais usada pelas empresas que querem estabelecer um contato próximo com os clientes. Com isso, a popularização das lojas virtuais cria oportunidades no mercado para quem atua no desenvolvimento de sistemas de e-commerce — o comércio eletrônico.

Além de desenvolver esse tipo de sistema, o profissional da área ainda realiza a sua manutenção e implementa estratégias para assegurar que não ocorram fraudes nas transações comerciais. Isso é fundamental para que o sistema não fique vulnerável aos ataques de cibercriminosos que tentam interceptar dados de cartões de créditos dos clientes.

O e-commerce ainda é um ramo consideravelmente novo, mas que já se consolida à medida que os hábitos de consumo se transformam. No mercado, um analista de e-commerce tem uma média salarial em torno de R$ 2.150,00, enquanto a de um coordenador chega a cerca de R$ 3.500,00.

5. Administração de banco de dados

Essa é mais uma das áreas de atuação da Tecnologia da Informação voltada para a proteção de informações. Nesse setor, o administrador de banco de dados — também conhecido como DBA — é o responsável por gerenciar e monitorar informações valiosas para as empresas.

Entre as atividades desse profissional estão a instalação e a configuração dos centros de processamento de dados, a realização de backups periódicos e a elaboração de relatórios. Para atuar na área, é necessário dominar sistemas operacionais, bancos de dados e gerenciadores de modelos, além de ter certo conhecimento em arquitetura de computadores.

No Brasil, a média salarial de um administrador de banco de dados fica em torno de R$ 4.600,00.

6. Qualidade de software

A área de qualidade de software se refere à qualidade do desenvolvimento de um produto de software, que deve ser monitorada para que os resultados satisfaçam todos os requisitos necessários para o seu funcionamento. Para atingir um nível de excelência em qualidade, os processos de desenvolvimento seguem normas estabelecidas por órgãos de relevância internacional.

Na prática, a qualidade de software garante a boa execução das suas funções, a segurança dos dados, e evita erros que poderiam ter consequências graves. Assim, o profissional dessa área trabalha com a realização de testes que buscam identificar falhas no produto de software.

Os testers, como esses profissionais são chamados, devem ter conhecimentos sobre linguagem de programação e ferramentas de automação, além de formação da área de Tecnologia da Informação. A média salarial para um analista de Qualidade de Software sênior passa de R$ 5.000,00, enquanto a de um supervisor supera a marca dos R$ 7.000,00.

São várias as áreas de atuação da Tecnologia da Informação, o que garante ao profissional a possibilidade de escolher o nicho mais ligado ao seu perfil, considerando suas preferências e seus interesses. O mercado de trabalho é bastante favorável, uma vez que a Tecnologia da Informação é vista como um setor que está ligado à produtividade, à sustentabilidade e à rentabilidade.

E aí, o que você achou do nosso post? Gostou? Então, assine agora a nossa newsletter e receba outros conteúdos interessantes e úteis como este diretamente no seu e-mail!

[eBook] Guia Definitivo da Orientação Vocacional
Posts relacionados

7 thoughts on “Quais as 6 principais áreas de atuação da tecnologia da informação?

    1. Oi Maria, aqui é o Bruno do Blog UniFOA,

      Que bom que esse conteúdo foi útil para você!
      Esperamos que ajude outras pessoas também.
      Agradecemos o seu feedback.

      Um abraço.

  1. Post esclarecedor,
    Parabéns pelo conteúdo.
    Na área de tecnologia são tantas as nomenclaturas e especializações que fica um pouco confuso pra quem tá começando.
    Obrigado

  2. Agradeço de coração, ao post, me ajudou bastante nessa dúvida que eu tinha. E agradeço aos colaboradores e desenvolvedores do website, porque ele é bem interessante, útil e direto ao ponto nos assuntos. Conheci o website agora e já me familiarizei nele.

    1. Oi Cauby,

      Aqui é o Bruno do Blog UniFOA, td bem?

      Que bom que o conteúdo foi útil.
      Essa é a nossa proposta aqui.

      Estamos atualizando toda semana.
      Um abraço.

Deixe um comentário